Get the Flash Player Para visualizar este conteúdo tem de ter instalado o Flash Player

Museu Virtual do Porto de Setúbal

PLANO DE ORDENAMENTO

O Plano de Ordenamento do Porto de Sesimbra, concluído em 2007, identificou um conjunto de intervenções prioritárias a realizar nos próximos anos, que foram, no que se refere ao setor da pesca, formalizadas numa candidatura apresentada ao PROMAR - Programa Operacional do Setor das Pescas, apresentada em 2008.

De um modo global, estas intervenções visam melhorar as condições de acostagem, operacionalidade e de segurança da atividade da pesca, procurando a conciliação entre as várias atividades que aí se exercem. Note-se que este estudo de ordenamento contou com a participação ativa de todos os utentes do porto de Sesimbra.

O projeto supra identifica as intervenções prioritárias, assinalando-se a amarelo a Ponte-Cais Nº4.

Em 2009, com a aprovação esperada do financiamento comunitário, em complemento ao apoio nacional, os trabalhos centrar-se-ão na execução da Ponte-Cais nº 4, uma obra entendida de prioridade absoluta, uma vez que irá criar as condições de abrigo e de oferta de frente acostável que viabilizará e despoletará a dinâmica de planeamento definida.

Duração da obra de construção da Ponte-Cais Nº4
Início: maio/2009                                        
Conclusão: novembro/2009             
Investimento previsto: 1.400.000 €
Financiamento previsto: OE/PIDDAC, cap.º 50º e PROMAR